sexta-feira, 15 de julho de 2016

PM TENTA SAIR DE SHOPPING SEM PAGAR, BALEIA VIGILANTE E É PRESO

 PM tenta sair de shopping sem pagar, baleia homem e é preso no Rio
Vítima é vigilante do local, responsável pela catraca do estacionamento.
Atirador, Paulo Lins de Albuquerque Junior responderá por tentativa de homicídio.

video

 O taxista e cabo da Polícia Militar Paulo Lins de Albuquerque Júnior, lotado no 41º BPM (Irajá), foi preso nesta sexta-feira (15) suspeito de atirar contra um homem num shopping do Rio. Um vídeo obtido pela Globonews mostra o PM tentando sair do estacionamento do centro comercial sem pagar.
De acordo com as investigações, o taxista achava que estava dentro do tempo de tolerância e que tinha direito à gratuidade. O funcionário, no entanto, disse que seria necessário pagar. O cabo se irritou, quebrou a catraca com a mão, voltou para o carro e acelerou.
Quando a discussão parecia encerrada, ele saiu do carro com a arma na mão e atirou. A vítima saiu cambaleando e caiu. Paulo Lins foi encontrado por investigadores da 44ª DP (Inhaúma), onde foi ouvido e preso.
A Polícia identificou o atirador através do carro que dirigia, pertencente ao pai dele. Além de cabo, ele era taxista auxiliar.
"Ele deu a versão de que se sentiu ameaçado pelas palavras proferidas pelo funcionário e acabou atirando no funcionário. Ele tem duas passagens similares (de violência)  discutiu por fatos comuns e utilizou arma de fogo. (Vai responder) por tentativa de homicídio", afirma o delegado Roberto Ramos.
A vítima, Roberto Prado Ribeiro, de 36 anos, foi atingida na bochecha e levado por uma ambulância do shopping para o Hospital Geral de Bonsucesso, também na Zona Norte.
A bala ficou alojada no pescoço e foi retirada na madrugada desta quinta-feira (14). "Espero que a Justiça seja feita", disse um parente que acompanhava Roberto no hospital.


FONTE: http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2016/07/video-pm-tenta-sair-de-shopping-sem-pagar-baleia-homem-e-e-preso-no-rio.html?utm_source=facebook&utm_medium=social&utm_campaign=rjtv

terça-feira, 24 de maio de 2016

DÍVIDA DO ESTADO DO RIO COM EMPRESAS TERCEIRIZADAS CHEGA A R$ 5,5 BILHÕES

A divida do Estado com empresas terceirizadas passa o valor 5,5 bilhões de reais. 

O Vigilante Marcio Silva fala a dificuldade de criar seus filhos, uma vez que está ha 4 meses sem salário. Ele trabalha no grupo Facility.


video

FONTE: http://g1.globo.com/globo-news/jornal-globo-news/videos/t/videos/v/divida-do-estado-do-rio-com-empresas-terceirizadas-chega-a-r-55-bilhoes/5043771/?utm_source=facebook&utm_medium=social&utm_campaign=gnews

EMPRESA CONTRATA VIGILANTES PARA EVENTOS NA ZONA SUL DO RIO


terça-feira, 19 de abril de 2016

VIGILANTE FICA FERIDO DURANTE ASSALTO A FARMÁCIA

Vigilante fica ferido durante assalto a farmácia em Ananindeua, no Pará
Os suspeitos conseguiram fugir e a vítima passa bem.
Polícia Militar afirma que faz a segurança na área diariamente.

video

Um vigilante foi baleado de raspão na manhã do último sábado (16) durante uma tentativa de assalto à uma farmácia no conjunto Cidade Nova, em Ananindeua, Região Metropolitana de Belém. Os suspeitos conseguiram fugir e a vítima passa bem.
As câmeras de vigilância da farmácia mostram o momento em que os suspeitos entram no local. O vigilante percebe a movimentação e reage. Ele e os dois suspeitos trocam tiros até que o vigilante caí.
Os moradores do bairro afirmam que os assaltos são frenquantes na área. "É perigoso e não tem dia ou hora para eles assaltarem aqui", afirma o aposentado Francisco Pimentel.
A Polícia Militar informou que faz a segurança da área diariamente com quatro viaturas, quatro motociletas e seis bicicletas.

FONTE: G1